segunda-feira, 21 de abril de 2008

Usuários das rodovias de SC começam a se organizar

FONTE: O BARRIGA VERDE 20 de Abril de 2008
Catarinenses preocupados com a crescente onda de privatizações de rodovias Brasil afora começam a discutir propostas concretas e que colaborem na construção de uma proposta justa e decente para disciplinar esta importante concessão estatal. No Paraná e Rio Grande do Sul os governos dos respectivos estados deram concessões quase que presenteando determinados grupos econômicos, através de contratos altamente prejudiciais a população e de complicados mecanismos de rompimento, servem para trazer a discussão que tipo de modelo será implantado em Santa Catarina. Aos poucos cidadãos preocupados sobre os rumos da ausência de discussão mais democrática e ampla com os usuários das rodovias estão dispostos a lançar um movimento por um pedágio justo, decente e participativo! O comerciante blumenauense Sérgio Popper vem se destacando nesta movimentação que já vem conquistando mais apoiadores, a meta é organizar-se para chamar a discussão sobre o processo de pedágio que será implantando no estado. Em Joinville, outro participante do movimento, o jovem Pedro Jhonny Dias Júnior já está colocando o debate na mídia, surgindo aos poucos necessidade de criar um organismo que deverá coordenar a discussão e uma possível proposta a ser apresentada. É claro que quanto mais existirem vias bem sinalizadas, confortavelmente pavimentadas e outras benfeitorias que possam garantir que o direito de ir e vir não sofra qualquer fatalidade para os usuários deste serviço público, a população certamente participará na sua utilização, mesmo tendo que realizar o pagamento das tarifas impostas durantes os quilômetros percorridos, mas em todo este sistema é necessário a criação de mecanismos populares de fiscalização e de efetiva fiscalização do poder público e sobretudo as opções que o usuário deve ter em utilizar ou não uma estrada pedagiado, ou seja, rodovias secundárias, sendo públicas e gratuitas. O movimento deixará claro que a participação popular deve ser condição principal para a instalação de praças de pedágios e igualmente os mecanismos de fiscalização, além de outros fatores que possam dar maior transparência principalmente aos usuários/contribuintes em Santa Catarina. Qualquer cidadão poderá participar do Movimento que tem como objetivo ampliar o fórum de discussões e organizar ações concretas sobre o importante tema!
INFORMAÇÕES:
SÉRGIO POPPER (47) 9983 1530
PEDRO JHONNY (47) 21013212 (47) 99943205 pedrofaz23@yahoo.com.br
Fonte: http://jps-sc.blogspot.com/2008/04/usurios-das-rodovias-de-santa-catarina.html

Um comentário:

idair@muraldoturismo.pro.br disse...

Olá pessoal de Santa Catarina,

Parece-me que vocês chegaram meio tarde para a discussão, pois as rodovias já foram leiloadas e as regras para instalação já foram definidas.
Posso me enganar, mas só conseguiram fazer alguma coisa com muita mobilização polular.
Naõ se esqueçam que uma deputada de Santa Catarina, hoje senadora, que lutava a favor do povo, agora está do lado do governo e vão entregar mais estradas do país para a iniciativa privada!
Pergunto: Esse movimento de vocês não é fogo de palha pré-eleitoral?